terça-feira, 21 de agosto de 2018

Usuários gastaram 85 bilhões de horas no WhatsApp nos últimos três meses


Usuários gastaram 85 bilhões de horas no WhatsApp nos últimos três meses





Os usuários do WhatsApp gastaram 85,21 bilhões de horas no app em um período de três meses: de maio a julho deste ano.




[caption id="attachment_251329" align="aligncenter" width="618"]Ranking de apps com maior tempo gasto pelos usuários Android e iOS em todo o mundo (Foto: Divulgação/Apptopia)Ranking de apps com maior tempo gasto pelos usuários Android e iOS em todo o mundo (Foto: Divulgação/Apptopia)[/caption]

O mensageiro é o aplicativo em que as pessoas mais passam tempo, seguido por outro app de conversas, o WeChat. O Facebook aparece em terceiro lugar no ranking, que tem ainda Messenger e Pandora no top 5.






Os dados são da empresa de análise de aplicativos Apptopia, que divulgou nesta segunda-feira (20) as informações coletadas nos últimos três meses. Nesse mesmo período, o Clash of Clans foi o jogo para celular com maior tempo gasto no total, somando 3,83 bilhões de horas entre os usuários. Os números dizem respeito à soma obtida na App Store e na Google Play Store, desconsiderando as lojas Android não-oficiais, como as que existem na China e outros mercados.




Uma das curiosidades do ranking está no fato de que os apps favoritos no Android não correspondem exatamente aos do iPhone. O WhatsApp foi o campeão de tempo gasto pelos usuários do sistema do Google, que passaram 59,27 bilhões de horas no mensageiro. No entanto, os adeptos da Apple ficaram 30,99 bilhões de horas no Facebook, mais do que as 25,94 bilhões de horas despendidas no WhatsApp.





Outro aspecto interessante é que o Facebook conseguiu emplacar quatro aplicativos no top 10 dos mais presentes na vida dos usuários — o próprio WhatsApp, Facebook, Messenger e Instagram, que aparece em sétimo lugar na lista geral e na da App Store, enquanto assume a sexta posição na Play Store. Já o Google traz dois: o YouTube, em sexto no geral, e o Maps, que aparece em nono.




O número absoluto dos games, bem inferiores em relação aos aplicativos, não deve ser confundido com fracasso. Pelo contrário: os jogos são os maiores responsáveis por compras dentro do app, sendo os mais rentáveis tanto na Play Store quanto na App Store. A diferença reside fundamentalmente na quantidade de usuários, que é menor neste segmento.





Aqui também há descompasso entre usuários dos dois sistemas móveis principais. Das 3,83 bilhões de horas gastas no Clash of Clans, 2,92 bilhões foram a partir de smartphones Android, deixando apenas 0,91 bilhão para o iOS. O jogo que mais consumiu o tempo dos usuários Apple foi o Fortnite, com 2,98 bilhões de horas. Mesmo sem versão para o SO rival, o joguinho conseguiu alcançar o quarto lugar geral.




[caption id="attachment_251330" align="aligncenter" width="618"]Ranking com jogos para celular com maior tempo gasto nos últimos três meses (Foto: Divulgação/Apptopia)Ranking com jogos para celular com maior tempo gasto nos últimos três meses (Foto: Divulgação/Apptopia)[/caption]




 

Top 10 apps com maior tempo gasto no geral




  1. WhatsApp

  2. WeChat

  3. Facebook

  4. Messenger

  5. Pandora

  6. YouTube

  7. Instagram

  8. Twitter

  9. Google Maps

  10. Spotify




Top 10 jogos com maior tempo gasto no geral





  1. Clash of Clans

  2. My Talking Tom

  3. Candy Crush Saga

  4. Fortnite

  5. Lords Mobile

  6. Subway Surfers

  7. Helix Jump

  8. Slither.io

  9. PUBG Mobile

  10. Fishdom



Via Apptopia








% #jornalmontesclaros%

Coca-Cola ameaça deixar Brasil se não recuperar subsídio na Zona Franca

Coca-Cola ameaça deixar Brasil se não recuperar subsídio na Zona Franca



As empresas preveem o corte de 15 mil empregos e retração de R$ bilhões/ano nas vendas sem o subsídio oferecido pelo governo federal antes da greve dos caminhoneiros; Coca Cola ameaça levar sua fábrica para a Colômbia.




[caption id="attachment_251326" align="aligncenter" width="600"]Coca-Cola ameaça deixar Brasil se não recuperar subsídio na Zona FrancaCoca-Cola ameaça deixar Brasil se não recuperar subsídio na Zona Franca[/caption]

 

Caso o governo não devolva ao setor de bebidas os benefícios desfrutados antes da greve dos caminhoneiros, a  Coca-Cola ameaça interromper sua produção de refrigerante na Zona Franca de Manaus. O tema foi levado a Michel Temer no fim de junho pela Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes. As empresas preveem o corte de 15 mil empregos e retração de R$ bilhões/ano nas vendas sem o subsídio.

Segundo as empresas, só faz sentido produzir na Zona Franca se a alíquota do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) que incide sobre o concentrado de refrigerante for de, pelo menos, 15%. Se Temer não atender ao pedido, a Coca-Cola pretende destinar a produção do Brasil a alguma fábrica em país com incentivos fiscais. A Colômbia uma alternativa.Com a mudança, os envasadores brasileiros passariam, então, a importar o concentrado da Coca-Cola e haveria um aumento de preço de cerca de 8% no refrigerante para o consumidor local. Para o governo, há exagero: caso interrompa a produção na Zona Franca de Manaus, a Coca-Cola passará a pagar todos os impostos —até mesmo o de importação—, prejudicando a operação no mercado brasileiro.
A lei permitia que os fabricantes de concentrados de refrigerantes instalados na Zona Franca vendessem o produto para seus envasadores sem pagar o IPI, gerando um crédito tributário de 20% usado para abater outros tributos, como o IR e a CSLL (Contribuição Social Sobre Lucro Líquido). No fim de junho, Temer decidiu reduzir o IPI de 20% para 4%. Isso levará o setor a gerar menos crédito e ficará sem esse colchão para abater outros tributos, reduzindo as margens de lucro da Coca Cola.
Investigação da Receita suspeita que a subsidiária brasileira da Coca  superfatura seus produtos para ampliar o lucro na Zona Franca. A empresa vende o quilo do concentrado por cerca de R$ 200 no mercado interno e exporta o produto por aproximadamente R$ 20. A diferença teria permitido remessas mais significativas para a matriz, nos EUA, onde o fisco americano cobra da companhia US$ 3,3 bilhões (R$ 13 bilhões) em royalties devidos por sete países, incluindo o Brasil.


Com informações da Folha de S. Paulo



% #jornalmontesclaros%

ACI reúne expositores da 23ª FENICS

ACI reúne expositores da 23ª FENICS


Os empresários se preparam para fazer mais negócios na feira em setembro.




[caption id="attachment_251323" align="aligncenter" width="618"]ACI reúne expositores da 23ª FENICSACI reúne expositores da 23ª FENICS[/caption]

 

A Associação Comercial Industrial e de Serviços de Montes Claros, com o apoio da FIEMG, realiza a 23ª edição da Feira Nacional da Indústria Comércio e de Serviços – FENICS, nos dias 13 a 16 de setembro. Nesta quinta, dia 23, dezenas de expositores se reunirão para conhecerem as regras do evento e se prepararem para a feira.


Na pauta, o Manual do Expositor, com regras e dicas sobre a infraestrutura da feira deste ano. “Esclareceremos sobre eventos paralelos, programação, espaços temáticos, mídia interna e outros assuntos. Depois de distribuir o Manual do Expositor, esperamos receber o formulário de solicitação de crachás e ponto de energia”, esclarece Cléia Paulino, coordenadora da FENICS.


Nesta edição, a ACI se prepara para superar as expectativas de 2017, com a ajuda do expositor, que também se especializa a cada participação. O público estimado em 80 mil pessoas terá acesso a estandes de diversos segmentos, como saúde, educação, energia fotovoltaica, franquias, moda, tecnologia, veículos e construção civil.


O networking ajuda a alavancar negócios, durante e após o evento. Essa é a fórmula de sucesso da FENICS, que em 2018 fechou a venda de estandes num período menor que 2017. Serão 150 empresas e previsão de negócios na ordem de 100 milhões de reais. “Essa procura para a feira sinaliza a credibilidade da ACI, do evento, e evidencia a importância de os parceiros abraçarem a Fenics e tudo o que ela representa para o Norte de Minas”, comenta Dr. Newton Figueiredo, presidente da ACI.


Kelington Mota, superintendente da entidade, completa que “cada detalhe é fundamental para o bom funcionamento da Fenics, em relação a segurança e infraestrutura, a fim de proporcionar uma experiência única para todos. “Nosso objetivo é satisfazer à demanda do expositor e surpreender o visitante. Daí a importância de tratar detalhes,  que vão desde o planejamento estratégico até a qualidade do local, desenho do mapa da feira, infraestrutura de estandes, escolha dos shows, vagas de estacionamento, segurança do público, etc. Cuidados que implicam na credibilidade do evento e na satisfação de todos”, afirma.


Os expositores têm na Fenics uma vitrine viva, pulsante. Esta reunião é o momento crucial para fechar as estratégias de marketing e o planejamento do layout dos estandes. Cerca de 10% dos estandes ainda estão disponíveis e podem ser adquiridos pelo site www.fenics.com.br ou (38) 2101 3301.

% #jornalmontesclaros%

Resenha literária - Final de Verão

Resenha literária - Final de Verão


Título: Final de verão

Autor: Danielle Stell

Páginas: 272

Editora: Record

Gênero: Literatura estrangeira// Romance// Drama

[caption id="attachment_251320" align="aligncenter" width="618"]Resenha literária - Final de VerãoResenha literária - Final de Verão[/caption]

 

Sinopse:

Era para durar apenas três meses, mas quem pode determinar a força e a intensidade de uma paixão? Ao decidir ficar em São Francisco durante uma viagem do marido e da filha, Deanna Duras só pretendia tirar férias do tédio ao qual já havia se resignado dedicando-se a pintura. Isso até passar o final de semana na casa da sua melhor amiga, onde conhece o marchand Ben Thompson, homem encantador que muda suas perspectivas em relação à arte e seus conceitos sobre o amor.


Eles vivem um romance intenso, limitado por um pacto: depois do verão, nunca mais devem se encontrar. Mas uma série de acontecimentos os obriga a uma mudança de planos com resultados imprevisíveis.


Danielle Stell causa sempre uma erupção de sentimentos em seus leitores. Uma onda dolorosa de amor e  ódio. Uma pitada de agonia, e um desejo extremo de continuar até o final. Ela é assim, uma explosão maravilhosa de drama, paixão, suspense e romance. E não é diferente com Final de Verão, um romance escrito a tanto tempo, mas que permanece tão atual.


Deanna Duras uma desventurada sem pai, conhece Marc, e tem com ele uma relação de gratidão, o amou. Ela americana e ele francês, com uma mãe que nunca a aceitou como nora, porque a achava nova demais, ou por simplesmente não gostar dela.


Deanna com o passar dos anos foi ficando solitária, não podia tomar sequer decisões sobre sua vida, não podia expor seus trabalhos e tinha uma leve sensação de que também estava perdendo sua filha para a família de madame Duras.


Tudo muda quando chega o verão:


“O verão chegou como um sussurro dançando nos cabelos dela, desejando que ele se importasse e sonhasse e parasse o carrossel até ouvir a verdade dela até trazer de volta a juventude dela risonha aos seus olhos, ela queria que ele se desse conta de que ela o amava ainda até tarde demais... mas o tempo jamais esperaria, jamais pararia... e ela estava livre para castelos de areia e sonhos, os planos de verão tão doces, tão novos, tão velhos... depois da história contada, os céus se fundem o amor continua a viver até o fim do verão”.


Caro leitor, engana-se quem acredita seriamente que pode determinar a durabilidade de um grande amor. Ou que pode apenas se anular diante de uma paixão intensa. É impossível fugir do que está destinado. Ben e Deanna acreditava em tudo isso. Que só bastava um verão e tudo permaneceria em seus devidos lugares. Deanna continuaria a suprimir os seus sonhos para satisfazer aos do marido e Ben seguiria em frente. Engana-se quem provou a chama ardente do amor e acha que sairá ileso.


Com tantas reviravoltas sabe-se lá o que o destino reserva a esses personagens tão intensos. Só lendo para saber. E adianto aqui mais uma vez, é uma série de suspense até o último capítulo. Prepare seu coração antes de começar a leitura.


O livro está disponível na editora Record por R$ 39,90 e também em ebook: Amazon (formato Mobi disponível para Kindle), Saraiva, Google Play Livros, Apple Store, Cultura/Kobo.


Por Núbia Istela

[caption id="attachment_251319" align="aligncenter" width="220"]Núbia IstelaNúbia Istela[/caption]

Facebook: Núbia Istela

Intagram: @nubiaistela

Youtube: Núbia Istela

E-mail: nubiaistela@hotmail.com

Twitter: @nubiaistela

Um grande abraço e até semana que vem. % #jornalmontesclaros%

Artistas consagrados cantarão músicas do cantor Amado Batista para prestarem uma homenagem ao cantor, que faz história desde 1975 com o seu primeiro disco

Artistas consagrados cantarão músicas do cantor Amado Batista para prestarem uma homenagem ao cantor, que faz história desde 1975 com o seu primeiro disco


[caption id="attachment_251318" align="aligncenter" width="514"]Artistas consagrados cantarão músicas do cantor Amado Batista para prestarem uma homenagem ao cantor, que faz história desde 1975 com o seu primeiro discoArtistas consagrados cantarão músicas do cantor Amado Batista para prestarem uma homenagem ao cantor, que faz história desde 1975 com o seu primeiro disco[/caption]

 

O evento faz a volta ao tempo...

            Artistas consagrados cantarão músicas do cantor Amado Batista para prestarem uma homenagem ao cantor, que faz história desde 1975 com o seu primeiro disco. Nascido em Catalão (GO), de família humilde e simples, foi em Goiânia que montou sua loja de discos, onde tudo começou.


            Com uma carreira sólida e de grande sucesso, foi em 1985 que Amado recebeu, no programa “Cassino do Chacrinha” (Rede Globo), seu 1º disco de diamante, criação feita pelo próprio Chacrinha para homenageá-lo. Não existia essa premiação pela Associação de Phonogramas; ele a criou justamente por Amado ter vendido mais de 1 milhão de discos em menos de 1 ano, tendo 4 discos de platina. Hoje em dia, infelizmente, essa homenagem não existe mais. Amado Batista possui uma verdadeira galeria de prêmios espalhadas pela parede de sua casa, reunidos através de tantos anos de trabalho.


            Esta homenagem será feita em Goiânia, cidade na qual haverá um palco capaz de emocionar à todos. Haverá familiares, amigos, gente de todas as idades.


            Algo diferenciado a ser apresentado e divulgado. O Brasil precisa ter essa base cultural e reconhecer um artista a ser aplaudido de pé, que por anos trouxe sua simplicidade e levou suas canções para o coração de muita gente, encantando-as com suas melodias.


            Com tanta violência, drogas e outros absurdos, Amado Batista consegue nos trazer em suas músicas o amor. O Brasil tem, em sua cultura, artistas que devemos valorizar, prestigiar e enaltecer, como Amado Batista em seus 43 anos de carreira.


Amado fala de amor...  assim como traz o amor em seu nome. “Amados do Amado”.


Nome do evento: Os Amados do Amado

Local: Estacionamento do Estádio Serra Dourada (Gyn)

Data 14/10/2018

Horário: 18:00 ás 23:30

            Amado Batista cantor, compositor e empresário, artista brasileiro que tem 43 anos de carreira e gravou 39 discos sendo inéditos, vendeu mais de 35 milhões de discos, recebeu centenas de prêmios como 28 discos de platina e um de diamante, mora em Goiânia.


            Receberá uma homenagem com artistas consagrados que cantarão músicas de grandes sucessos do cantor que conquistou várias gerações com suas músicas românticas até hoje.


            Artistas solicitados:
  • Leonardo

  • Eduardo Costa

  • Fagner

  • Sergio Reis

  • Guilherme e Santiago

  • Victor e Leo

  • Cesar Menotti e Fabiano

  • Léo Magalhães

  • Tânia Mara*

  • Mariana e Mateus

  • Ze Felipe

  • Tato

  • Rick Batista

  • outros

            O evento terá cerca de 25 mil pessoas possuindo o sistema de caravanas para levar os fãs até seu ídolo e abrangendo várias cidades. Terá também food trucks, filmagem, divulgação em rádio, TV, outdoors, internet, patrocinadores.


            Parte da renda da bilheteria será doado para uma instituição ainda não definida.


  % #jornalmontesclaros%

Em carta, papa Francisco condena 'atrocidades' de casos de pedofilia nos EUA


Em carta, papa Francisco condena 'atrocidades' de casos de pedofilia nos EUA




O papa Francisco publicou uma carta aos católicos de todo o mundo condenando as "atrocidades" cometidas por padres pedófilos na Pensilvânia, EUA. Investigações apontam que mais de 300 padres cometeram abusos sexuais contra mais de 1.000 crianças.

[caption id="attachment_251317" align="aligncenter" width="616"]Francisco pediu perdão pela dor sofrida pelas vítimas e disse que os católicos devem se envolver em qualquer esforço para erradicar o abuso e seu acobertamentoFrancisco pediu perdão pela dor sofrida pelas vítimas e disse que os católicos devem se envolver em qualquer esforço para erradicar o abuso e seu acobertamento[/caption]



Francisco pediu perdão pela dor sofrida pelas vítimas e disse que os católicos devem se envolver em qualquer esforço para erradicar o abuso e seu acobertamento. "Não mostramos nenhum cuidado com os pequenos; nós os abandonamos."

O Vaticano publicou a carta antes da viagem do papa à Irlanda neste fim de semana.

Vítima

Nesta segunda, um homem testemunhou na Suprema Corte da Pensilvânia que foi molestado repetidamente por um padre quando adolescente. A vítima afirmou que a carta do papa Francisco divulgada hoje não oferece soluções para combater o abuso sexual de crianças por padres.

O relatório do grande júri divulgado na semana passada diz que mais de 300 "padres predadores" abusaram de mais de 1.000 crianças durante muitas décadas e os bispos falharam "repetidamente" em proteger seus rebanhos ou punir os estupradores.

% #jornalmontesclaros%

Nasa descobre que a lua tem dois depósitos de gelo

Nasa descobre que a lua tem dois depósitos de gelo


Nasa (Agência Espacial dos Estados Unidos), divulgou na tarde desta segunda-feira (20) a descoberta de dois polos na lua, essas duas áreas comprovam a existência de superfícies de gelo.




[caption id="attachment_251316" align="aligncenter" width="618"]Nasa descobre que a lua tem dois depósitos de geloNasa descobre que a lua tem dois depósitos de gelo[/caption]

 

De acordo com a Agência Brasil são áreas mais escuras, distribuídas de forma irregular e que têm características de formações antigas e distintas.


No pólo sul da lua, o gelo se concentra em crateras lunares, já no norte ele é mais distribuído e em menor quantidade.




Nas partes mais escuras e mais frias dos pólos da Lua, depósitos de gelo foram encontrados. No pólo sul, a maior parte do gelo está concentrada nas crateras lunares, enquanto o gelo do pólo norte é mais amplamente distribuído, mas escassamente espalhado“, afirma a publicação da agência.


A descoberta foi realizada pelo estudo de cientistas das Universidades do Havaí, Brown e do Centro de Pesquisas da Nasa. A equipe é liderada pelos pesquisadores Shuai Li, da Universidade do Havaí e Brown University, e Richard Elphic, da Nasa.


Os dados que permitiram a pesquisa foram captados por um instrumento da Nasa, chamado Moon Mineralogy Mapper (M3), ele identifica aspectos específicos da água, diferenciando-a tanto em gelo quanto em vapor. O equipamento foi enviado ao espaço na nave não tripulada Chandrayaan-1, que foi lançada em 2008.

% #jornalmontesclaros%